Comentários
Postagens

8 de jun de 2011

Os Pequenos Hexas


O rubro-negrismo vem do berço, do útero, da origem da vida. Estes pequenos flabençoados chegam ao mundo com uma força inversamente proporcional aos seus tamanhos, pois carregam com eles o amor e a raça de 40 milhões de pessoas e o peso de 115 anos de magia, diversos títulos e ídolos. Tristes são as crianças que ainda não possuem a mesma sorte, que ainda o vestem as mesmas cores.

Os pequenos Hexas estão vendo a nossa segunda geração mais vitoriosa com seus próprios olhos. São donos deste patrimônio, que será herdado pelos seus filhos e assim por diante com essa fonte inesgotável de glórias, que é o nosso Mengo. Meu avô viu Zizinho, meu pai viu Zico e eu vi Pet, e não t
enha dúvida que meu filho verá tantos outros. E durante todos esses anos, o Mengo não fez sequer uma criança ficar sem gritar 'É campeão!' inúmeras vezes. Nenhum pequeno rubro-negro ficou sem ter uma referência na vida, seja de qual esporte for. Todos os pequenos rubro-negros se sentem gigantes perante o mundo e será assim eternamente.

Estes rubro-negrinhos acabaram de conquistar o Hexa e tiveram a
honra de se despedir daquele cara que nos fez viver, por alguns momentos, os encantos do Galinho. Também estão vendo o ídolo de todas as crianças brasileiras, o melhor do mundo, vestir as mesmas cores que eles. Pouco? Claro que não. Uma criança rubro-negra vai brincar de bola e diz: "Olha, Mamãe! Sou o Zico! (Pet, Sávio, Romário, Bebeto, Julio Cesar, Gamarra, Ronaldinho...)". Ela tem referências, inspirações, ídolos pra despertar o talento e fortificar o rubro-negrismo dentro dela. Bom, daí chega outra criança, um tricolor, pra brincar também e diz: "Olha, Papai! Eu sou o... Sou o... (Pedro Bial?) Posso ser o Zico também?" Isso é um fato.


Fiquei até entristecido com uma matéria sobre as crianças viceínas que esperam ansiosamente pela oportunidade de soltar o grito de campeão pela primeira vez na vida. São crianças de 8, 10 anos que ainda não foram nem ao menos 'batizadas' pelo seu clube. Coitadas. Mesmo que o Vice ganhe esse título da Copa do Brasil, a década de dor, queda, humilhações e fracassos jamais serão apagados da mente dos pobres pequenos. Espero, de verdade, que eles encontrem o caminho das eternas glórias, que encontrem o caminho rubro-negro. Não falo isso tudo pela paixão, é pelos fatos.

Sabemos que as crianças precisam de mais qualidade na educação, mas a alegria também é fundamental pro desenvolvimento social, pessoal e profissional de cada uma delas. É duro ver uma garotinha triste por não ter ídolos nem títulos pra se orgulhar, pra servir de referência e, muitas vezes, nem coleguinhas pra compartilhar a mesma tristeza. Ora, estamos falando do esporte mais popular do país e que é uma das maiores fontes de felicidade do povo brasileiro. Logo, todas as crianças desviadas do caminho de glórias deveriam passar por uma 'lavagem'. Pode perguntar, que 7 entre 10 crianças desviadas vão responder que gostariam de vestir vermelho e preto, fato que muitos pais ignoram e até ameaçam os que ousarem pronunciar a palavra 'Mengo'. Deixe seu filho ser hexamente feliz!


Pra você que não quer ver seu filho amargar tanto sofrimento, indico um belíssimo post do Primeiro Penta com 10 passos pra se fazer uma criança flamenguista, feito pela nossa querida amiga Dani Souto. Veja como educar seu filho corretamente e lhe dê toda a felicidade possível, porque um dos segredos do sucesso na vida é ter uma infância feliz, e o sorriso do seu filho será a sua maior vitória.

Saudações Rubro-Negras!

*************************

@RenatoCroce (Alexi Lalas)

Charge: Clovis Lima - FlaManolos

Compartilhe isto com a Nação
"Eu queria ser um poeta para poder te explicar,
mas não consigo traduzir o sentimento de amor que a gente tem pelo Flamengo."

---Outros posts do FlaManolos---
9 comentários rubro-negros pelo Blogger
comentários rubro-negros pelo Facebook

9 comentários:

  1. PARABÉNS PELO TEEEEXTO *_*
    disse tudo já na primeira linha: "O rubro-negrismo vem do berço, do útero, da origem da vida"

    eu sou filha de vascainos, imagina só o quanto eu sofri né?
    Graças a Deus, SOU FLAMENGO e FELIZ!!!

    @_iasminmoreira

    ResponderExcluir
  2. Tenho pena das crianças ' vascaínas ' , em 8 e 10, ainda não conseguiram, gritar junto com o seu time é campeão, e eu não havia completado 1 ano ainda, e já comemorava em 1990, a conquista do Flamengo na Copa do Brasil,o carioca do ano seguinte e o Penta ( 1992 ), em 1996, já beirando os 7 anos, Flamengo foi campeão carioca invicto, com 26 gols do Artilheiro ROMÁRIO, vivi 2 tricampeonatos ( 1999, 2000 , 2001 ), e 2007,2008,2009 , sem citar, as 8 taças guanabaras, que o Mengão conquistou depois que eu nasci, não preciso citar, todas as conquistas, de infanto-juvenil, juvenil e juniores, vi o maior time do mundo conquistar pela segunda vez, a copa do Brasil em 2006, e consagrar-se como HEXA CAMPEÃO em 2009, ah, teve tbm a copa dos campeões em 2001.UFA.

    São tantos títulos, que nem lembro de todos, se for citar todos, termino amanhã ou depois.
    Uma das maiores alegrias desse mundo é ser RUBRO NEGRO.

    Os vascaínos, e qualquer outro torcedor, que me perdoe, mas o time mais vezes CAMPEÃO e o time mais AMADO desse mundão, é o FLAMENGO.

    E somos mesmo metidos a besta, nosso time não permite que seja diferente.

    Belo texto, e realmente, 7 entre 10 crianças, gostariam de vestir o VERMELHO E O PRETO.♥


    SRN

    @tayna_CRF

    ResponderExcluir
  3. que lindo
    como sempre arrebentando nos textos
    foi o que aconteceu comigo
    meu pai era vascaino e eu
    vi o mengo e a naçao virei flamenguista
    graças a deus
    feliz e mais apaixonada
    pelo mengao

    ResponderExcluir
  4. PERFEITO!!!
    Lendo essas linhas vou me lembrando de várias cenas. Meu filho hoje com 5 anos.. Como já vibrou comigo já pediu pra eu me acalmar, Essa nossa ultima final, contra o Vasco.. eu nervosa, ajoelhada no chão da sala.. ele me abraçou e falou: ''Calma mãe, o Flamengo vai ganhar!!'' Falou com tanta certeza..E Foi..Final do jogo ele pulava em cima de mim e gritava ''é campeããoooo E eu chorava.. chorava...(de alegria).

    Nos Domingos que ele sai na calçada de casa pra brincar, grita lá de fora: ''QUANDO COMEÇAR O JOGO DO MENGÃO VC ME CHAMA MÃE''
    5 anos acho foda ele ter essa vontade!!

    No dia que o R10 assinou, não esuqeço aquela cena..ele chegou sem ar, na beira da minha cama.. aos gritos ''RONALDINHO GAUCHO É NOSSO MÃE É NOSSSO'' Não sei se ele sabia quem era Ronaldinho gaucho, mas ele estava muito feliz.. muito mesmo.. embora ele tenha visto eu e meu irmão ansiosos por essa contratação.

    Quando eu chego do Rio de janeiro (As vezes que consigo viajar pra ver o Fla), Ele com os olhos cheio d'gua, TODAS VEZES FALA: ''Por que vc não me levou?''

    No colégio,Professora vem me falar, que ele não quis participar do futebol, por que o nome do time não era ''mengão'' (Ele fala mengão)

    Quando eu estou aqui no meu quarto, escuto ele distraido, cantando nossas musicas: ''EU SEMPRE TE AMAREI, ONDE ESTIVER ESTAREI, OH MEU MENGO'' Entre outras...



    Enfim.. são Váárias coisas que acontecem.. que eu me orgulho de ter um PEQUENO GRANDE RUBRO NEGRO EM CASA!
    É uma paixão misturada com outra.. Um laço forte demais de amor!!
    Meus dois amores eternos.. E ele é um Rubro Negro Feliz..
    Com tão pouca idade, já vibrou, já gritou, já sentiu a magia que é ser Rubro Negro. E ainda tem muito a vir..

    Saudações Rubro Negras!!!


    @_thaCRF

    ResponderExcluir
  5. Alexi Lalas!
    Esse, é o TEXTO, mais longo, mais enfatico e mais verdadeiro que eu ja li, e que me fez voltar a um passado glorioso, lá pela decada de 40, quando eu apenas, tina 3 anos de idade (segundo o meu pai), ja chutava bolinhas de papel, de mamona, gritando "gol papai, gol famengo"!

    Foi uma infancia, exatamente, como vc escreveu no seu texto:
    "rubronegrismo, vem do berço, do utero, da origem da vida"!
    E assim, eu nasci, vitoriosa, vivendo e cantando as glorias do Flamengo, desde a minha infancia, adolescencia, adulta e ate chegar, a minha velhice repleta de titulos e de glorias.

    E vc, Lalas, descreveu, bem o valor de uma criança, que ama o mengao, e viu a diferença nas outras, que nao nao tem a sorte de torcer para o clube mais querido, do mundo! Como, tbm, nao saberao, quando vao tirar da garganta o grito, de é campeao pelo seu clube.

    E os pequenos hexas poderao ainda ver, o Diego Mauricio, o Thiago Neves, o Bottinelli, e outros jogadores que virao, na forma de idolos, porque, o Flamengo, eterniza, junto com a NAÇAO o seu idolo!
    Seria o BRUNO, a referencia, mais perfeita do MENGAO!

    O CLUBE de REGATAS do FLAMENGO, fara de tudo pra continuar o seu caminho de vitorias, titulos, e idolos, de tantos, que eu ja vi jogar, o Domingos Da Guia, Valido, Zizinho, Dida, Doval, Zico (o maior de todos), Leandro, Raul ate chegar ao PET.
    Ser FLAMENGO, é esquecer de tudo e se transportar pra ele, por inteiro! Ser FLAMENGO, é um vicio gostoso de se ter.

    Como disse no inicio, um texto lindo, longo mas, bem elaborado, abordando, principalmente, as crianças vitoriosas, do clube, tantas vezes campeao, o meu IDOLATRADO, CLUBE de REGATAS do FLAMENGO, honra e glorias, de BRASIL gigante!

    Parabens, Alexi Lalas (Renato Croce) Obrigada!

    Eu: FLAMENGO, ao NASCER! FLAMENGO, ate MORRER

    Um Beijo, no talentoso e versatil, Amigo, Renato Croce!!

    Nidinha. (baianafla)

    ResponderExcluir
  6. Valeu pelos comentários e presença de sempre!

    "No colégio,Professora vem me falar, que ele não quis participar do futebol, por que o nome do time não era ''mengão'' (Ele fala mengão)"

    Sensacional, Thalita!!!

    @RenatoCroce (Alexi Lalas)

    ResponderExcluir
  7. Ô queridoooooooooooooooo!

    Obrigada pela referência no post!!!!

    Vamos perpetuar essa paixão!

    ResponderExcluir
  8. MEEGA PERFEITO! Apesar de logo no começo, dizer que RUBRO NEGRO É DE BERÇO! Humm...sei não! Meu pai "coitado" é vascaíno, é claro que quando nós gostamos de alguma coisa corremos atrás. Então digo que foi paixão, amor a primeira vista quando bati os olhos no MANTO SAGRADO RUBRO NEGRO...até hoje, até morrer FLAMENGO SEMPRE EU HEI DE SER!

    ResponderExcluir
  9. 1-Oh oh oh oh oh, oh...Oh oh oh oh oh oh oh oh, oh oh oh oh...QUE TORCIDA É ESSA! 2-EU SEMPRE TE AMAREI. ONDE ESTIVER, ESTAREI. OH, MEU MENGO. TÚ ÉS UM TIME DE TRADIÇÃO, RAÇA, AMOR E PAIXÃO. Oh, MEU MENGO. Lindooo...

    ResponderExcluir

 
Uma vez Flamengo, sempre Flamengo.