Comentários
Postagens

4 de abr de 2011

O Novo Flamengo


Desde o início da temporada 2011, o discurso adotado pela diretoria e pelo técnico Vanderlei Luxemburgo é de que o Flamengo precisa de um projeto. Isso inclui centro de treinamento, investimentos na base, um time profissional vencedor e jogadores que se enquadrem na tal (e nova) filosofia rubro-negra. Logo o Flamengo, um clube que nunca foi de seguir normas, filosofias, onde a ordem sempre foi vencer, vencer e vencer.

A intenção, no entanto, não é criticar a idéia de adequar o clube (mais precisamente, o futebol) aos novos parâmetros. É que a tal invencibilidade e o astral de boa convivência atuais deixam uma certa ilusão de que tudo vai continuar bem.

Nesta última semana, os contratos de Galhardo, Vitor Hugo e Thomas foram renovados por um longo período. Luxa disse que utilizar algumas das jóias promissoras no time principal seria precipitado em um primeiro momento, mas que muitos deles já estariam aptos a iniciarem suas carreiras em 2012.

Mas será, então, que até o ano que vem esse e outros planos se concretizarão? Será que Luxemburgo ainda estará no cargo? E Ronaldinho, vai vingar? E a torcida? Ela vai acreditar nos projetos? Ora, isso tudo depende do resultado. E aí retornamos ao velho imediatismo do futebol brasileiro...

Se com um “não” dado a Adriano a torcida se fez rebelde e bateu o pé, imaginem o que será de tudo isso, caso as promessas não se cumpram. “Eu bem que avisei que a nossa filosofia era outra...”, “Se tivesse contratado o Adriano, nada disso ia acontecer”, “Burra foi a Patrícia, que apostou no Luxa”, “Fora Luxa! Fora Patrícia!”.

É bom ser realista e entender que o grande teste a essa nova atitude será o primeiro tropeço. Porque é quando tudo está ruim que as instabilidades e arestas a serem aparadas surgem. Nem todos se dão bem, nem todos se gostam. Grupos, em sua maioria, se unem com o objetivo de levantar taça. A grande sacada, porém, vai ser o jogo de cintura de quem está lá em cima, no poder master do clube.

É ela, a diretoria, que vai decidir se o melhor é ignorar hábitos antigos e encarar as mudanças com seriedade. Falta isso no futebol: honrar compromissos e discursos. Não abandonar o barco na hora da tempestade. Porque jogar tudo pro alto e deixar a responsabilidade para os próximos mandatos é muito fácil.

Como torcedora, eu espero muito ser contrariada e que minhas hipóteses sejam derrubadas pelo sucesso desse Novo Flamengo. Hei de concordar que é um Flamengo ainda em construção, mas que na teoria tem tudo pra dar certo.

Saudações rubro-negras, galera!

*****************************

@carol_viana (Carol Viana)

Images: Google

Compartilhe isto com a Nação
"Eu queria ser um poeta para poder te explicar,
mas não consigo traduzir o sentimento de amor que a gente tem pelo Flamengo."

---Outros posts do FlaManolos---
3 comentários rubro-negros pelo Blogger
comentários rubro-negros pelo Facebook

3 comentários:

  1. Parabens pelo texto !! a Renovação do Flamengo 2011 R10 , TN ,Bottinelli e Negueba , DM e comp. tem tudo para ser o Flamengo que a Nação quer , ter Otimos jogos , Ganhar titulos e dar Alegrias a maior Nação ser um Novo Flamengo 2011.....e ir para libertadores no ano 2012 ,,@manofla_69

    ResponderExcluir
  2. É preciso que nós torcedores também abracemos esse novo Flamengo! Juntos do Flamengo podemos levar essa nova filosofia a frente!


    SRN

    ResponderExcluir

 
Uma vez Flamengo, sempre Flamengo.