Comentários
Postagens

30 de jul de 2011

Nação em Êxtase


Mais 3 pontos na conta, inquestionáveis. Quase 30 mil Rubro-Negros presenciaram no Engenhão um jogo de uma equipe madura, equilibrada, consistente e com cara de campeã. O Brasileirão é longo e costuma revelar muitas surpresas, mas hoje não existe algo como o Flamengo. Invicto na 13ª rodada (um recorde), conta com o artilheiro do campeonato, um técnico de ponta, jogadores experientes. É, amigos. O que falar do Mengão?

A partida começou, como eu previa, meio tensa e com uma forte marcação do Grêmio. O Flamengo tinha calma, mas não conseguia impor seu jogo de toque de bola, também não passava dificuldades lá atrás. R10 já mostrava estar afim de jogo. Até que encontra Thiago Neves na área, entre dois zagueiros, e mete uma bola perfeita. Passe de gênio. TN7 anota seu 2º gol consecutivo de cabeça e faz o Engenhão tremer. Nossos craques fizeram a diferença.

Apesar de sofrer o gol, o Grêmio não veio pra cima, continuou com seu jogo limitado. Da mesma forma foi o 2º tempo. Ronaldinho fez o 2º gol num lance de muita esperteza e foi mais uma vez o melhor em campo, sempre buscando o jogo e chamando a responsabilidade. Está literalmente vestindo a 10 do Flamengo, brilhante. Um recado pros gremistas, segundo o próprio R10: “Grêmio? Nada demais. Flamengo? Ah, Flamengo é Flamengo.



O árbitro prejudicou bastante o Mengo, não marcando faltas claras, inclusive um pênalti no R10. Foram vários lances em que o juizão se mostrou tendencioso. Amarelou bastante o nosso time. Graças a isso, Welinton, o rei dos chutões, é desfalque (?) para o jogo contra o Cruzeiro. Por outro lado, Willians também chegou ao 3º cartão amarelo, e será sim uma ausência importante. O mais provável é que o Luxa entre com Bottinelli em seu lugar.

Um detalhe importante é que com o Airton ainda não sofremos gols. É verdade que vimos uma equipe menos dinâmica, já que o Luiz Antônio tem outro estilo de jogo, mas é um time consistente, seguro. Estamos na cola dos gambás, e pelo andar da carruagem não vai demorar até o Bonde do Mengão sem freio tomar a liderança. A parada não será fácil em Minas, mas quem disse que tivemos algum jogo fácil, com exceção do Avaí, neste campeonato?

Passamos por inúmeras dificuldades, com muita desconfiança de boa parte da torcida e sempre aquele pé atrás na hora de apontar o time como o grande favorito. Depois da épica vitória na Vila, a Nação dá mostras imponderáveis de que agora sim, pegou o time pela mão e só vai soltar na hora de levantar a Taça.

Rumo ao Hepta, Mengão!

Saudações Rubro-Negras!
**********************
@luamCRFpb
(Luã Milanês)

Compartilhe isto com a Nação
"Eu queria ser um poeta para poder te explicar,
mas não consigo traduzir o sentimento de amor que a gente tem pelo Flamengo."

---Outros posts do FlaManolos---
7 comentários rubro-negros pelo Blogger
comentários rubro-negros pelo Facebook

7 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Esse time, realmente, tem tudo para ser campeão esse ano. O talento e a qualidade que o Thiago Neves e o Ronaldinho proporcionam ao Flamengo é algo fora dos padrões, são jogadores que poderiam ser titulares em qualquer time no Brasil e no mundo. Se sobressaem de uma forma em que fica muito difícil o Flamengo não vencer, e geram um respeito tremendo por parte do adversário. E temor. Além do mais, dá pra sentir que a união é uma virtude desse elenco, que parece estar voltado para um objetivo em comum, e isso é o mais importante.

    ResponderExcluir
  3. Antes de mais nada, a charge. Demais! Foi o que aconteceu comigo ontem! Só consegui almoçar depois do gol do R10.

    Agora, Luã, não foram 30 mil. Foram 20 e poucos mil. Pagantes, só 20.

    A arbitragem, Luã, parece estar decidida a fuder o fuderoso. Não é o primeiro e nem será o último jogo em que veremos isso acontecer.

    ResponderExcluir
  4. Complementando, já que madame me atrapalhou no 1º post: quando cheguei em casa, cliquei na transmissão FlaManolos, e o jogo já estava com mais de 15 min. Depois revi os lances e vc está certíssimo: o gaymio apertou, parecia até que estava jogando em casa (aliás, o "enchenão" é casa de alguém?, mas o Flamengo manteve a paciência necessária de um campeão.

    E ae, meu caro Luã, veio o toque de Midas. Como vc mesmo disse: "Passe de gênio."

    E o gênio da lâmpada ainda percebeu um momento único: o "goleirinho de seleção manos menos" é canhoto e a bola foi mal direcionada. Se vc tiver paciência para ver e rever a jogada, irá concordar comigo: R10 estava lá no meio, parado, como se a jogada estivesse perdida. De repente, mermão, ele deu um pique (daqueles que só quem acredita na jogada) e fez o que fez.

    Da arbitragem eu já falei. Então vamos falar sobre a cornetagem (time no qual eu me incluo): reclamamos tanto, xingamos tanto (eu a turma da corneta) e tivemos que nos render à essa maravilha que é o time do Flamengo.

    Pelo menos nesse momento. Ainda tenho medo do salto alto!!!

    ResponderExcluir
  5. Ehheheh fato! Não solto a mão
    nem pra levantar a taça.. tamo junto
    aê MENGÃO
    SRN
    @CeleNjr

    ResponderExcluir
  6. Valeu pelos comentários, galera.
    Marcius, tivemos um público de 24.467 pagantes, mais de 27 mil presentes, dá quase 30 mil sim.
    Abraços

    SRN

    ResponderExcluir

 
Uma vez Flamengo, sempre Flamengo.